fb

Empreendedorismo

4 min de leitura

Quatro lições da jornada empreendedora para evitar (mais) erros

A trajetória no empreendedorismo é marcada por mais erros do que acertos, o que pode ser bem desafiador. Mas os fracassos proporcionam uma bagagem de aprendizados para futuros empreendimentos

Felipe Santiago

14 de Agosto

Compartilhar:
Artigo Quatro lições da jornada empreendedora para evitar (mais) erros

Quem se aventura pelo mundo do empreendedorismo sabe que trilhar esse caminho é uma jornada de aprendizado constante, permeada por acertos e, principalmente, por erros. Quando assumimos o desafio de empreender, precisamos estar cientes de que o erro é uma parte inerente do processo e que, longe de ser motivo para desistir, pode ser um trampolim para o sucesso.

Ao longo da minha trajetória empreendedora, não foram poucos os projetos que não tiveram o resultado esperado. Esses fracassos, que poderiam ser somente motivo de frustração e decepção, foram transformados em algo bem mais valioso. Com o tempo percebi que cada empreendimento mal sucedido continha uma valiosa lição para os próximos passos. É importante compreender que o sucesso não surge apenas de uma ideia brilhante, mas também da resiliência em enfrentar os revezes e aprender com eles. Afinal, como costumo dizer em minhas reuniões na empresa: no mundo do empreendedorismo podemos errar muitas vezes, mas precisamos acertar uma única vez.

É inegável que enfrentar o insucesso e ter projetos que não prosperam pode ser desafiador, inclusive financeiramente. Experimentei isso de perto como sócio em um restaurante de comida natural que, apesar de bem planejado, não obteve êxito por não estarmos atentos ao timing do mercado. Também tive outras empreitadas que não alcançaram o sucesso esperado, em diferentes áreas: de corretora de seguros a empresa de venda de consórcio. No entanto, a frustração não vem do encerramento de uma empresa, mas sim da inação e da falta de coragem para tentar novamente. Cada empreendimento mal sucedido nos proporciona uma valiosa bagagem de aprendizados. É imprescindível considerar essas experiências como degraus para futuros empreendimentos. O conhecimento adquirido ao errar pode ser aplicado em novas oportunidades, auxiliando na construção de um projeto mais sólido e bem-sucedido. Abaixo, elenco quatro aprendizados que adquiri na minha jornada empreendedora.

1. Defina pequenas metas

É fundamental estabelecer metas ambiciosas e alcançáveis, dividindo-as em objetivos menores e diários. A cada dia, defino três metas que precisam ser cumpridas, além das atividades habituais. Esses micro-objetivos diários, cumpridos consistentemente, contribuem para a realização de metas maiores no futuro. Essa abordagem ajuda a manter o foco e a motivação, além de permitir ajustes de rota quando necessário.

2. Seja apaixonado por resolver problemas

Um aspecto essencial para empreender com sabedoria é identificar a necessidade do cliente e solucionar seus problemas com excelência. O empreendedor precisa ser alguém apaixonado por resolver desafios. Afinal, quem confiaria em um mecânico que reclama o tempo todo de consertar carros? Assim como eu confio em um mecânico que ama o que faz, é fundamental transmitir essa paixão pelo negócio para conquistar a confiança dos clientes e do mercado.

3. Aprenda a receber nãos

No início da jornada empreendedora, um dos maiores desafios é lidar com a incerteza e a possibilidade de receber muitos "nãos". Entre uma ideia promissora e a construção de um negócio de sucesso, existe um espaço considerável que requer resiliência, persistência e uma mente aberta para aceitar feedbacks e sugestões. Nesse sentido, a presença de mentores e conselheiros experientes é de extrema importância. Eles podem fornecer insights valiosos, apontar pontos cegos e ajudar a enxergar além das nossas próprias ideias.

4. Conquiste e cultive uma equipe sólida

É crucial ter em mente que empreender é uma jornada coletiva, não uma empreitada solitária. Construir um time de pessoas engajadas e comprometidas com a visão do negócio é fundamental para alcançar o sucesso. Isso inclui tanto o time interno, composto pelos colaboradores da empresa, quanto o time externo, formado por parceiros, fornecedores e clientes. A troca de ideias e a diversidade de perspectivas são catalisadores para o crescimento e a inovação.

Em resumo, errar é uma parte inerente do processo de empreender, e abraçar os equívocos como oportunidades de aprendizado é essencial para o sucesso. O caminho do empreendedorismo é repleto de desafios, mas são justamente essas dificuldades que moldam nossa capacidade de superação e nos impulsionam rumo a objetivos cada vez mais grandiosos. Por isso, não tenha medo de errar, tenha medo de não tentar. O empreendedorismo é a arte de transformar sonhos em realidade e fazer a diferença na vida das pessoas. Então, vá em frente, abrace os erros, aprenda com eles e trilhe o caminho do sucesso com paixão e determinação.

Compartilhar:

Autoria

Felipe Santiago

Felipe Santiago é CEO da CashWay.

Artigos relacionados

Imagem de capa Identidade empreendedora: um superpoder ou um calcanhar-de-aquiles?

Empreendedorismo

16 Novembro | 2023

Identidade empreendedora: um superpoder ou um calcanhar-de-aquiles?

Líderes organizacionais precisam observar e atualizar a maneira pela qual se posicionam a cada fase que a empresa se encontra, para que consigam transformar o poder gerador da identidade empreendedora em fonte de motivação, persistência e inovação

Eliana Crosina, Miruna Radu-Lefebvre, Vincent Lefebvre, Ulla Hytti e Alisa Jno-Charles

6 min de leitura

Imagem de capa Quatro lições da jornada empreendedora para evitar (mais) erros

Empreendedorismo

14 Agosto | 2023

Quatro lições da jornada empreendedora para evitar (mais) erros

A trajetória no empreendedorismo é marcada por mais erros do que acertos, o que pode ser bem desafiador. Mas os fracassos proporcionam uma bagagem de aprendizados para futuros empreendimentos

Felipe Santiago

4 min de leitura

Imagem de capa A iniciativa de empreendedorismo que apoiou mulheres e reduziu desigualdades

Diversidade e inclusão

23 Novembro | 2021

A iniciativa de empreendedorismo que apoiou mulheres e reduziu desigualdades

Ao ajudar vítimas de acidentes com escalpelamento, projeto do Unops, MPT e Instituto Gloria transformou vida mulheres e famílias no Norte do Brasil por meio do empreendedorismo feminino

Claudia Valenzuela e Cristina Castro-Lucas

5 min de leitura

Imagem de capa O afroempreendedorismo brasileiro em seis diagnósticos

Empreendedorismo

26 Julho | 2021

O afroempreendedorismo brasileiro em seis diagnósticos

Resultado de uma pesquisa traz uma leitura sobre o empreendedorismo negro no Brasil; levantamento reforça a necessidade de solucionar desafios estratégicos, econômicos, socioculturais e históricos

Nina Silva

4 min de leitura